Z1 Portal de Notícias
Site de notícias de indaiatuba e região.

Scheidt aproveita prova na Itália como preparação na campanha olímpica

Brasileiro disputará campeonato na Itália.

16

A partir desta quarta-feira, o bicampeão olímpico Robert Scheidt dará um tempo na campanha visando a classificação aos Jogos de Tóquio e estará ao lado de Henry Boening, o Maguila, para o Campeonato Europeu de Star. A disputa será em Riva Del Garda, no norte da Itália, cidade vizinha e que fica a menos de 5 km de Torbole, onde mora com a família, às margens do famoso Lago Di Garda.

“Estou bem animado para o Europeu, ainda mais por ser próximo de casa, o que não envolve viagem nem logística. Além disso, a competição servirá como um cross training para a campanha olímpica. Se por um lado não estarei em cima do Laser, por outro, se faz várias coisas no Star que valem como uma simulação. Durante as regatas, você está escorando, usando as pernas, fazendo largadas. Taticamente é um exercício muito bom, pois as classes são parecidas nesse sentido”, disse Scheidt.

O Campeonato Europeu da Classe Star é válido também como a primeira edição da SSL Breeze Grand Slam da Star Sailors League (SSL), status que elevará a premiação geral a U$ 100.000,00 (cerca de R$ 400.000,00), além de atribuir 2.500 pontos à dupla campeã no Ranking SSL. Estão inscritas 96 duplas de 23 países, mas a expectativa do clube anfitrião, Fraglia Vela Riva, é de que esse número chegue a 100 barcos alinhados para a largada no Lago Di Garda, nesta quarta-feira. As regatas seguem até domingo, dia 19.

Henry Boening, que foi vice-campeão nas duas últimas edições da SSL Finals com Scheidt, garante que a dupla entra com disposição para brigar pelo título europeu. “Velejar com o Robert sempre traz uma expectativa positiva. Ele está na casa dele e possui um conhecimento a mais da raia. Estamos com um barco bom, da SSL, e o vento no Lago Di Garda costuma ser forte, o que nos favorece, mas um campeonato com tantos barcos é muito difícil”, relata Maguila.

Robert compartilha a animação de Maguila. “Acredito que vai ser um campeonato muito bom, bastante disputado e com alto nível técnico. A Star é uma classe que gosto muito, mas em que velejo pouco ao longo do ano. Assim, é sempre bom poder voltar a competir. Matar a saudade. O Henry é um excelente proeiro e um grande companheiro. Espero ter uma semana de regatas bem divertida e vamos lutar por um lugar no pódio, de preferência, o mais alto”, completa o maior medalhista olímpico do Brasil, com cinco pódios.

Com informações da Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

UA-132776669-1