Z1 Portal de Notícias
Site de notícias de indaiatuba e região.

‘Rei do Ônibus’ assume que pagava propina para Jorge Picciani

Jacob Barata Filho assumiu que fazia pagamentos ao chefão do MDB do Rio de Janeiro.

Acusado pelo Ministério Público Federal no processo da Operação Cadeia Velha, o empresário Jacob Barata Filho, conhecido como rei dos ônibus do Rio de Janeiro, prestou depoimento nesta sexta-feira (24) ao juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Criminal do RJ.

De acordo com o colunista Lauro Jardim, do jornal “O Globo”, Barata assumiu culpa em algumas acusações. Ele confessou que fez pagamentos aos emedebistas Jorge Picciani e Paulo Mello, ex-presidentes da Assembleia Legislativa fluminense.

Picciani, chefão do MDB no Rio, e Mello negaram ter recebido valores indevidos.

O “Rei dos Ônibus” ainda ofereceu devolver R$ 80 milhões do seu patrimônio aos cofres públicos. Marcelo Bretas aceitou.

No início do ano, a Operação Cadeia Velha prendeu toda cúpula da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro.

Imagem:

Com informações do Notícias ao Minuto

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.