Z1 Portal de Notícias
Site de notícias de indaiatuba e região.

Limeira: Acidente entre dois caminhões deixa homem e criança feridos na Bandeirantes

3
Segundo a concessionária AutoBAn, lentidão chegou a nove quilômetros no sentido interior. Motorista ficou preso nas ferragens.

Um acidente entre dois caminhões deixou um homem e uma criança feridos e causou a interdição da Rodovia dos Bandeirantes (SP-348), em Limeira (SP), na tarde desta quinta-feira (11). Segundo a concessionária AutoBAn, que administra a rodovia, a lentidão atingiu nove quilômetros no trecho. Às 15h36, a empresa informou que a pista foi liberada.

O acidente ocorreu no sentido interior da rodovia, altura do quilômetro 146, conforme a concessionária. Segundo um motorista que passava pelo local no momento do acidente, um dos caminhões bateu na traseira da outra carreta. O homem que dirigia o caminhão de trás ficou preso nas ferragens. Já a criança, que estava no mesmo veículo, sofreu um corte na testa.

om a batida, o caminhão ficou atravessado na pista. Os socorristas do Corpo de Bombeiros, do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e da concessionária prestaram o atendimento às vítimas. As ferragens do caminhão tiveram que ser cortadas, conforme a testemunha.

A concessionária AutoBAn informou que a criança sofreu ferimentos leves e o homem estava em estado moderado de saúde. Ambos foram encaminhados para o Hospital Estadual de Sumaré (HES). A assessoria de imprensa do hospital disse que não obteve a autorização da família para passar informações sobre as vítimas.

Interdição

Segundo a concessionária, a pista sentido interior foi completamente interditada logo após o acidente, o que causou a lentidão de oito quilômetros. Às 15h30, uma faixa foi liberada e, seis minutos depois, as outras também voltou a receber veículos.

Às 16h11, a lentidão começava no quilômetro 146, onde houve a batida, e terminava no 137. O tráfego estava normalizado até a última atualização desta reportagem.

Imagem: Reprodução / Edijan Del Santo/EPTV

Com informações do G1

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.