Z1 Portal de Notícias
Site de notícias de indaiatuba e região.

Leila Pereira vê “componente político” em emboscada ao ônibus do Palmeiras

Patrocinadora acredita que o episódio foi oportunista.

17

Leila Pereira manifestou-se através de sua assessoria de imprensa, nesta quinta-feira, sobre o ataque com pedras e garrafas ao ônibus do Palmeiras que aconteceu quando o time alviverde chegava ao Allianz Parque para enfrentar o Junior Barranquilla-COL, pela Libertadores. A patrocinadora e conselheira do Verdão afirmou que o torcedor tem o direito de protestar, porém repudiou a emboscada violenta. Além disso, declarou que o episódio teve um “componente político”.

“O torcedor tem todo direito de reclamar e protestar, eu como torcedora também fico muito chateada quando o resultado não vem, porém sou contra violência. Porém, sobre críticas diretas a mim, lógico que isso tem um componente político. Tem gente que nesses momentos se aproveita da situação”, disse a empresária.

Leila também foi alvo de pichações nos muros da sede do Palmeiras, já que é vista pela torcida como ima das principais responsáveis pela montagem do elenco. A conselheira, no entanto, reiterou que não tem participação direta nas decisões tomadas em relação ao time.

“Além do mais, todos sabem que não interfiro em nenhuma decisão com relação ao time. Sei bem qual é o meu papel como conselheira e como patrocinadora. E o torcedor sabe que faço o que é possível para ajudar o Palmeiras”, defendeu-se.

Com informações da Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

UA-132776669-1