Z1 Portal de Notícias
Site de notícias de indaiatuba e região.

Homem grava vídeo ao agredir esposa e é preso acusado de tortura

Vídeo que circula nas redes sociais mostra Antonio Paulo Castilho Cardoso, de 37 anos, dando tapas no rosto da mulher seminua

28

Um homem foi preso acusado de tortura na noite da última quinta-feira (17) em Itaperuna (a cerca de 310 km do Rio de Janeiro). De acordo com a Polícia Civil, o suspeito gravou um vídeo agredindo a mulher e pedindo para ela confessar uma suposta traição. O casal estava junto havia 16 anos e têm dois filhos.

Segundo destaca o UOL, o vídeo que circula nas redes sociais mostra Antonio Paulo Castilho Cardoso, de 37 anos, dando tapas no rosto da mulher seminua e batendo nela com um pedaço de madeira, enquanto ela chora.

Homicídios dolosos caem 7,7% no estado do Rio de Janeiro em 2018

Nas imagens o homem afirma: “Ela arrumou filho com outro e fala que é meu”, antes de agredi-la mais uma vez.

O promotor responsável pelo caso, Marcos Davidovich, informou que o episódio aconteceu na terça-feira (15). O Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) tomou conhecimento após receber vídeos pelo WhatsApp na última quinta-feira e pediu a prisão temporária de Antonio pelo crime de tortura nesta quinta.

“Há fortes indícios de que ele filmou a agressão e encaminhou do celular da esposa para os grupos do trabalho dela”, diz o promotor. No entanto, o acusado nega que tenha repassado as imagens e disse que perdeu o celular.

A vítima fará exame de corpo de delito ainda esta semana e o MP-RJ tem até 30 dias para oferecer uma eventual denúncia. Com informações do Notícias Ao Minuto.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

UA-132776669-1