Z1 Portal de Notícias
Site de notícias de indaiatuba e região.

Blackstar encerra negociações com o Verdão e fala em processo

O membro da Blackstar deu por encerradas as conversas e chegou até a falar em processar o Palmeiras.

18

A polêmica entre Blackstar e Palmeiras segue a todo vapor. Após a empresa oferecer 1 bilhão de reais ao Verdão como patrocínio e o presidente da equipe alviverde detectar fraude e encerrar as negociações, Rubnei Quícoli, representante da companhia, atacou diretamente o clube nesta sexta-feira.

O membro da Blackstar deu por encerradas as conversas e chegou até a falar em processar o Palmeiras. De acordo com Quícoli, Galiotte utilizou um “fax montado” para fazer acusações que, de acordo com o representante da empresa, não procedem.

Confira a nota da Blackstar na íntegra:

Aos Palmeirenses,

Prezados PALESTRINOS,

Lamentavelmente estão criando uma turbulência totalmente desnecessária e com alto teor de incoerência por parte de alguns conselheiros e da atual diretoria eleita para mais 3 anos no Palmeiras. Em esclarecimento aos nobres palestrinos, informo que foi apresentada uma CARTA DE INTENÇÃO e até onde sabemos a mesma não foi aceita pela DIREÇÃO ELEITA. Além disso, até o presente momento a referida DIREÇÃO não se manifestou publicamente com o intuito de informar sobre a possibilidade ou não de firmar um contrato com mais um patrocinador. Entretanto, algumas pessoas trataram o assunto com deboche e desconfiança de maneira à descreditar uma proposta real que foi apresentada. Assim, este tipo de atitude e palavras maldosas que foram maliciosamente utilizados por algumas pessoas colocaram boa parte dos PALMEIRENSES contra os formadores de opiniões, ou seja, pessoas que deveriam cuidar melhor do PALMEIRAS se arriscaram de maneira criminosa com o escopo de aniquilar uma possível ameaça com seus propósitos (HOJE TRANSPARENTE NOS OLHOS DE MILHÕES DE TORCEDORES).

Vale lembrar que, após a reeleição do Mauricio Galiotte, com tom irônico na mídia expôs seu desinteresse neste assunto, logicamente hoje deixou claro que se trata de um problema político interno do clube. Com absoluta certeza o Paulo Nobre e o Genaro Marino não seriam capazes de fazer algo para prejudicar o Palmeiras, pois ambos são palmeirenses que dedicaram parte de suas vidas ao clube. Vale ressaltar que, quando o Paulo Nobre assumiu o Palmeiras tinha notificação de corte de abastecimento de água por não pagamento das taxas mensais. Nobre fez o que nenhum outro faria e todos sabem da história. Ainda assim, hoje querem instalar uma sindicância para expulsar as pessoas que mais fizeram pelo PALMEIRAS tomando atitudes que demonstram tamanha ingratidão por parte de muitos palmeirenses.

Sobre os discursos de ofensas direcionados nos últimos dias, não vejo consistência no teor das acusações. Não há nada que coloque em dúvida a credibilidade e a honra da proposta apresentada bem como da empresa signatária. Ocorre que, eu fiz um comentário direcionado e jamais tive a intenção de desonrar o time de futebol que amo, mas sim ajudar com mais um patrocinador.

Entretanto, não houve resposta do Palmeiras com relação ao aceite da PARCERIA COMO MAIS UM PATROCINADOR. Houve apenas insulto, difamação e injuria por parte de muitos que se aproveitaram de alguns processos de 20 anos atrás, nos quais foram armadilhas criadas pelo PT (partidos trabalhadores) em que na maioria fui absolvido e utilizaram de forma maquiavélica com o objetivo de desqualificar minha vida e a empresa signatária. A partir desse episódio eu questionei se este tratamento era o mesmo dispensado à atual patrocinadora, uma vez que a FAM – Faculdade que também patrocina o Palmeiras – está com um processo na justiça demonstrando que a mesma foi adquirida de forma FRAUDULENTA e através de GOLPE em que os executivos da CREFISA transferiram R$150 milhões de patrimônio para seus CPFs (palavras que estão estampadas no processo público na TJSP que pode ser localizado facilmente na internet).

Logo, diante desta forma diferenciada de tratamentos criou-se um mal estar após os insultos provindos das irônicas atitudes da SENHORA LEILA PEREIRA e MAURICIO GALIOTTE, no momento em que informaram à imprensa que já tinham contratos firmados por 3 anos no valor de R$210 milhões. Como se não bastasse ainda desqualificaram a minha pessoa e a empresa que fez apenas uma tentativa de ser mais um parceiro e nada mais.

A única postura sensata que o presidente do Palmeiras poderia comentar seria; NÃO TEMOS INTERESSE NESTE MOMENTO POR MOTIVOS DE CONTRATO JUNTO A CREFISA (PONTO FINAL). Mas ele se aproveitou para aniquilar o possível e único concorrente que poderia derrotar a já anunciada PRESIDENTA para a próxima eleição em 3 anos.

Como não houve atitude honesta do presidente do Palmeiras em se manifestar publicamente afirmando que não poderia iniciar qualquer tratativa sobre patrocínio, uma vez que já estava comprometido com a CREFISA, o mesmo aproveitou o ensejo para tentar aniquilar o PAULO NOBRE (pessoa que sempre tratou o MG com dignidade, tanto que o fez ser o presidente e o mesmo é ingrato de não reconhecer o gesto de quem meteu a mão do bolso e ajudou o Palmeiras, sem contar com o investimento milionário que o PN doou para o Palmeiras que mereceria seu nome pelo feito).

Referente à BLACK STAR é simples, como já informado através de um programa ao vivo na ESPN (do qual agradeço a oportunidade dos jornalistas) a primeira pergunta foi: – QUEM É A BLACK STAR? A Black Star foi criada apenas para anunciar uma parceria e que a mesma detêm apenas ATIVOS FINANCEIROS, Respondi na íntegra. Deixo aqui informado que a BLACK STAR, NÃO TEM CONTA CORRENTE NO HSBC o que tem são ativos financeiros. Para quem quiser checar ISIN NUMBER: US404280AS86 – EUROCLEAR BANK.

As dúvidas geralmente são indagadas por pessoas que não conhecem o mercado financeiro e em função disso, logicamente, na visão destas pessoas tudo que desconhece será FALSO. Uma questão que deve ser observada é que o CLUBE não fechou contrato com a TV ABERTA , este é um requisito que impediria um contrato de patrocino com o PALMEIRAS (por o patrocínio ser “lesado” com seu investimento).

Por outro lado abriria as portas para o CORINTHIANS e FLAMENGO, clubes que juntos detêm 80 milhões de torcedores frente a 16 milhões do VERDÃO.

Fontes do HSBC informaram que o CEO se preocupou ao divulgar seu nome de forma não autorizada criando uma situação desconfortável com alguns que se perguntam: será que o mesmo divulgará informações privilegiadas de outras empresas à imprensa?

Triste mesmo foi o uso de documento FALSO (fax montado e remontado) que o presidente do PALMEIRAS mostrou ao vivo para DIFAMAR a BLACK STAR de maneira irresponsável usando seu cargo e colocando a SOCIEDADE ESPORTIVA PALMEIRAS na mira de processo milionário por injuria e difamação contra uma empresa que apenas apresentou interesse de ser patrocinadora e nada mais.

Desde o início minha intenção foi em fazer PARCERIA e jamais ser rival da CREFISA. Em momento algum quis causar problemas, mas sim trazer recursos de fora do Brasil para o Palmeiras e, no entanto fui apedrejado e humilhado pelo presidente do PALMEIRAS.

Sendo assim, infelizmente reconheço que expus minha vida desnecessariamente, mas tive a oportunidade de mostrar um grande patrocino para outros clubes do Brasil.

O setor que será explorado:

BANCO/FINANCEIRO (este talvez deva ter sido o fato que mais mexeu com a patrocinadora ao tomar ciência) 
AGRONEGÓCIO 
BIOENERGIA 
GERAÇÃO DE ENERGIA (limpa) 
SERVIÇOS DE INFORMATIZAÇÃO 
SETOR DE AVIAÇÃO

E a Black Star apenas é a intermediadora para firmar os interesses de OUTRAS. Com muita tristeza por ser palmeirense, me retiro definitivamente da possibilidade de tentar negociar com o palmeiras.

Espero que os palmeirenses reconheçam que da minha parte desde o início eu tentei, mas fui barrado por pessoas que os sócios deveriam exigir a CERTIDÃO NEGATIVA DE DÉBITOS e CRIMINAL (vocês terão surpresas podem acreditar!)

Exijam a CND (IR E PGR) e a CERTIDÃO CRIMINAL de todos os CONSELHEIROS.

É única forma realmente de por o PALMEIRAS como um clube transparente.

Desejo aos PALMEIRENSES um maravilhoso NATAL em família.

Sucesso em 2019 e rumo aos títulos (menos o PAULISTINHA que isso nesta gestão é insignificante)

Com informações da Gazeta Esportiva.

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.