Indaiatuba

Saída para o feriado de Finados movimenta rodovias na região

Redação
Escrito por: Redação

A saída para o feriado prolongado de Finados movimenta as rodovias que cortam a região de Campinas (SP). O aumento do fluxo era esperado a partir das 17h desta quarta-feira (1º), sendo que o horário de pico deve seguir nesta quarta até 21h, e na quinta (2), entre 7h e 11h. O Aeroporto Internacional de Viracopos e a Rodoviária de Campinas esperam o fluxo de 260 mil pessoas em quatro dias.

A concessionária Rota das Bandeiras espera que 526 mil veículos trafeguem pela Rodovia Dom Pedro I (SP-065) nos próximos dias. A rodovia é o principal eixo de ligação da Região Metropolitana de Campinas (RMC) ao litoral de São Paulo.

Além da Dom Pedro I, a Rota das Bandeiras espera que 117 mil veículos passem pela rodovia Prof. Zeferino Vaz (SP-332), no trecho entre Campinas e Conchal (SP). Durante todo o período, a concessionária informou que irá posicionar guinchos e ambulâncias em pontos estratégicos do Corredor Dom Pedro para ampliar a agilidade em casos de socorros médicos e mecânicos.

No sistema Anhanguera-Bandeirantes, que liga a região à Capital, 840 mil automóveis devem circular pelas rodovias segundo estimativa da CCR Autoban. A empresa que adminsitra os trechos informa que os horários com maior fluxo serão das 15h às 19h, nesta quarta-feira (1), das 8h às 13h, na quinta (2), e no domingo (5), das 12h às 13h.

Já na Rodovia Santos Dumont (SP-075), que liga Campinas à Itu (SP), são esperados pelo menos 200 mil veículos durante o feriado prolongado, segundo a concessionária AB Colinas, que administra o trecho próximo ao Aeroporto Internacional de Viracopos.

O Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (Foto: Ricardo Lima)O Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (Foto: Ricardo Lima)

O Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (Foto: Ricardo Lima)

Viracopos

O Aeroporto Internacional de Viracopos espera receber cerca de 135 mil passageiros nos 1.339 embarques e desembarques programados neste períodos.

A concessionária que administra o aeroporto informou que aumentou o número de colaboradores para atender a demanda, como atendimento aos passageiros (Posso Ajudar?), segurança, manutenção e limpeza.

Rodoviária

A concessionária responsável pelo Terminal Rodoviário de Campinas, estima que durante os próximos cinco dias da semana, entre quarta e segunda-feira (6), cerca de 125 mil passageiros irão utilizar os serviços do terminal. Entre os destinos mais procurados estão São Paulo (SP), Sorocaba (SP), Piracicaba (SP), Americana (SP) e Jundiaí (SP).

De acordo com a empresa, o quadro de funcionários nas áreas de operação, limpeza, segurança e manutenção foi reforçado devido a demanda, a programação dos ônibus também sofrerá modificações para que o terminal consiga atender o aumento da movimentação com os carros extras.

Terminal Rodoviário de Campinas tem fluxo intenso de passageiros a partir desta quarta-feira (1) (Foto: Luiz Granzotto/Divulgação Prefeitura)

Terminal Rodoviário de Campinas tem fluxo intenso de passageiros a partir desta quarta-feira (1) (Foto: Luiz Granzotto/Divulgação Prefeitura)

Dicas importantes

Para que não haja problemas durante as viagens, a administração da rodoviária, explica que algumas precauções devem ser tomadas. Confira as principais dicas oferecidas pela empresa:

  • Compra com antecedência: pela grande procura, é importante que o passageiro compre as passagens da ida e da volta com antecedência.
  • Etiqueta QR Code: Se o passageiro efetuou a compra das passagens em agências que ficam fora do terminal, é necessário retirar a etiqueta QR Code na bilheteria da viação escolhida para o acesso à área de embarque;
  • Documentação para viagem: é essencial que todos os passageiros, até mesmo as crianças, apresentem documento de identificação original e com foto;
  • Embarque de crianças e adolescentes: a partir dos 12 anos de idade, o passageiro pode viajar totalmente desacompanhado. Já as crianças menores de 12 anos precisam de autorização para viajar.
  • Bagagens: são permitidos até 30 kg no bagageiro e até 5 kg de bagagem de mão, desde que não interfira no conforto dos passageiros dentro do ônibus. A identificação das bagagens com etiqueta contendo nome completo e telefone facilita em casos de perda ou esquecimento;
  • Horário de chegada ao terminal: é importante que o passageiro chegue ao terminal, pelo menos, uma hora antes do horário marcado na passagem;
  • Remarcação de passagens: em casos de desistência ou impossibilidade de viajar, a remarcação e reembolso da passagem são feitas com até 3 horas de antecedência, diretamente com a empresa de ônibus;
  • Com informações do G1

Imagem de capa:Reprodução/Rota das Bandeiras

Sobre o autor

Redação

Redação

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: