Esportes em Geral

Federer vence a 3ª final do ano sobre Nadal e é campeão em Xangai

Gilson Azevedo
Escrito por: Gilson Azevedo

suíço Roger Federer confirmou a excelente fase em um confronto direto no qual tem desvantagem e conquistou neste domingo (15) o Masters 1000 de Xangai ao vencer o espanhol Rafael Nadal por 2 sets a 0, parciais de 6/4 e 6/3, em uma hora e 12 minutos de partida.

Naquele que é considerado um dos maiores clássicos da história do tênis, Federer segue atrás no retrospecto (23 vitórias a 15 a favor do espanhol), mas agora ostenta cinco triunfos consecutivos no duelo, sendo quatro neste ano e três em finais. Além do título em Xangai, o suíço venceu as decisões do Masters 1000 de Miami e do Aberto da Austrália diante de Nadal em 2017.

“É muito bom estar aqui jogando tão bem contra meu amigo e rival Nadal. No ano passado inaugurei a academia dele em Mallorca, e não imaginava que teria um ano como esse, Está sendo excepcional ter um ano como esse e esperamos continuar assim”, disse o suíço após levantar o sexto título na temporada.

Neste domingo, Federer mostrou logo no primeiro game que estava inspirado. Quebrou o saque de Nadal e não perdeu mais o controle do jogo. Chegou a confirmar o serviço em um game de apenas 50 segundos para abrir 4 a 2.O segundo set começou mais equilibrado, mas Federer foi mais uma vez preciso. Conseguiu a quebra no quinto game e confirmou a vitória ao vencer a parcial por 6 a 3 com um a nova quebra na última parcial.

Esta foi a segunda conquista de Federer em Xangai e a 27ª em torneios da categoria Masters. Ele ainda igualou Ivan Lendl com segundo maior vencedor de torneios da ATP em simples: 94. O americano Jimmy Connors é o recordista com 109.

Nadal, por sua vez, segue sem vencer no torneio chinês. O espanhol chegou à final defendendo invencibilidade de 16 partidas, incluindo as vitórias para conquistar o Aberto dos Estados Unidos e o Torneio de Pequim.

O título de Federer ainda abre uma disputa entre os dois tenistas pelo número um do mundo. Nadal mantém a liderança do ranking da ATP, mas vê a aproximação do rival para a reta final da temporada (10.465 a 8.505). Com informações da Folhapress/Notícias Ao Minuto.

Imagem de capa:Aly Song / Reuters

Sobre o autor

Gilson Azevedo

Gilson Azevedo

Simplesmente apaixonado por boteco.
Contato: gil@z1portal.com.br

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: