Z1 Cidades

Campinas: Suspeito de integrar quadrilha que realizou mega assalto à Protege, é preso em Goiás

Gilson Azevedo
Escrito por: Gilson Azevedo

Uma ação conjunta das polícias Militar e Federal resultou na prisão de Agnaldo Francisco da Silva Pereira, conhecido como Magna, na cidade de Caldas Novas, em Goiás. A prisão ocorreu nesta terça-feira.

Ele é suspeito de ter participado do mega assalto à empresa de valores Protege, no bairro São Bernardo, em Campinas, em março do ano passado. Na ação desta terça, os policiais prenderam também e esposa dele, Camila Pereira da Silva e Anderson Manoel de Souza, outro integrante de uma fação criminosa que atua no Estado de São Paulo.

De acordo com a polícia, os três criminosos levavam uma vida luxuosa. Com a identidade falsa, Magna comprou imóveis e veículos. Levava uma vida de empresário bem-sucedido, tinha casas de alto padrão e carros de luxo.

Os policiais chegaram até eles em um trabalho de investigação depois do assalto à empresa de transporte de valores Rodoban em Uberaba, no Triângulo Mineiro, na última segunda-feira, nos mesmos moldes da ocorrência à Protege.

O assalto à empresa Protege aconteceu na madrugada de 14 de março em uma ação cinematográfica que levou terror aos vizinhos da empresa. O mega-assalto durou cerca de uma hora e meia e teve explosões e tiros de metralhadora ponto 50. Os disparos atingiram estabelecimentos e prédios próximos e foram ouvidos a quilômetros de distância. Na ocasião, os bandidos levaram cerca de R$ 50 milhões.

Quatro policiais que investigavam o caso foram presos por corrupção pela Corregedoria da Polícia Civil e Ministério Público, em Campinas. Foram detidos também um integrante de uma facção criminosa e um advogado. Quatro bandidos também acabaram presos durante as investigações. Com informações da CBN.

Imagem de capa:Divulgação

Sobre o autor

Gilson Azevedo

Gilson Azevedo

Simplesmente apaixonado por boteco.
Contato: gil@z1portal.com.br

Deixe um Comentário

%d blogueiros gostam disto: